terça-feira, 20 de novembro de 2012

Xanana ameaça não dar de comer aos criminosos

.

Jornal Independente - Terça-feira, 20 de Novembro de 2012 - Tradução de TIMOR HAU NIAN DOBEN 

O primeiro -ministro e também na qualidade de titular da pasta da Defesa e Segurança não vai tolerar os jovens que querem criar a instabilidade dentro do país, quando a missão das Nações Unidas terminar no próximo mês de dezembro. 

Xanana apelou aos jovens para não andarem às pedradas uns com os outros, " se andarem às pedradas eu vou mandar prende-los e não vão ser alimentados", disse ontem o primeiro-ministro aos jornalistas, no aeroporto Nicolau Lobato, no regresso da sua visita. 

Como ministro da Defesa e Segurança, ele não tem medo de as pessoas o condenarem por violar os direitos humanos, ao não dar de comer de comer às pessoas que estejam envolvidas em problemas de andarem à tareia e à pedrada uns com os outros. 

 "Eu falo como Xanana e como o ministro da Defesa e Segurança, quem criar problemas, eu mando a polícia prender-vos e depois vocês gritem os direitos humanos e levem-me para o Tribunal Internacional". 

Xanana ouviu também informações de que alguns grupos vão criar a instabilidade no país após a saída das Nações Unidas. 

"Eu digo que, quem tiver a cabeça dura, nós retiramos os direitos humanos e depois resolvemos, eu faço isto porque eu penso no vosso futuro, eu penso no futuro do país", afirmou Xanana. 

O comandante da operação da Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL), superintendente Armando Monteiro, declarou que a PNTL está neste momento a fazer uma grande operação em todas as áreas do território de modo a conjeturar a instabilidade no país. 
.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.