sexta-feira, 24 de maio de 2013

Governo timorense quer investimentos de Portugal para acelerar desenvolvimento

,

Díli, 24 mai (Lusa) - O ministro do Comércio, Indústria e Ambiente timorense, António da Conceição, disse hoje que Timor-Leste quer atrair investimentos de Portugal para acelerar o desenvolvimento do país.

"Queremos atrair o investimento de Portugal aqui em Timor-Leste. Não só em termos de investimento de capital, mas de parcerias com o Governo de timorense para acelerar o desenvolvimento do país", sublinhou António da Conceição.

O ministro falava à agência Lusa no final da conferência sobre "Mercado e Oportunidades em Timor-Leste", em que participou a missão empresarial portuguesa organizada pelo Banco Espírito Santo (BES), que chegou quinta-feira a Díli.

"Há várias oportunidades e as empresas portuguesas podem envolver-se também no desenvolvimento desta Nação", afirmou o ministro das Obras Públicas timorense, Gastão de Sousa.

Durante a conferência, vários governantes timorenses apresentaram ao grupo de empresários portugueses as oportunidades de negócio em Timor-Leste, nomeadamente ao nível das infraestruturas, recursos naturais, agricultura e pescas, educação e comunicação social.

Timor-Leste, com pouco mais de um milhão de habitantes, tem crescido a um ritmo de 10 por cento nos últimos anos e aguarda a sua adesão à Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), um mercado com 600 milhões de pessoas.

MSE // ARA

Lusa/Fim
.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.