sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Orçamento Geral do Estado timorense para 2014 é de 1,5 mil milhões de dólares

,

Díli, 27 set (Lusa) - O Governo de Timor-Leste anunciou hoje que o Orçamento Geral do Estado para 2014 é de 1,5 mil milhões de dólares (cerca de 1,1 mil milhões de euros) e vai ser entregue no parlamento timorense em outubro.

"O Conselho de Ministros aprovou o valor de mil e quinhentos milhões de dólares americanos para o Orçamento Geral do Estado (OGE) do ano financeiro de 2014", refere o Governo, num comunicado de imprensa.

A decisão foi anunciada na sequência da reunião extraordinária do Conselho de Ministros timorense, realizada na quinta-feira.

"A Proposta de Lei para o Orçamento Geral do Estado para o ano financeiro de 2014 será entregue ao Parlamento Nacional no próximo mês de outubro, depois de aprovada pelo Conselho de Ministros", salienta o Governo no documento.

Segundo o comunicado, o Orçamento do Estado para o próximo ano foi determinado tendo em conta o Plano Estratégico de Desenvolvimento, Programa de Governo, execução orçamental de 2013, inflação e sustentabilidade fiscal.

O Orçamento do Estado relativo a este ano teve o valor de 1,6 mil milhões de dólares (cerca de 1,2 mil milhões de euros) e foi aprovado por unanimidade pelos deputados, incluindo os da oposição da Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin).

Os 65 deputados que compõem o parlamento timorense representam quatro formações partidárias, três das quais pertencem ao Governo de coligação, liderado pelo primeiro-ministro, Xanana Gusmão, do Conselho Nacional da Reconstrução de Timor-Leste.

Integram também a coligação governamental o Partido Democrático, com oito deputados, e a Frente Mudança, com dois deputados.

MSE // VM

Lusa/Fim
,

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.