segunda-feira, 22 de junho de 2015

Polícia cercou o Largo de Lecidere e ameaça manifestantes - Manifestação pode ser cancelada

.

Timor Hau Nian Doben - 22 de junho de 2015

O Timor Hau Nian Doben acabou de falar com um dos organizadores da manifestação liderada pelo antigo comandante das Falintil, L7, e este disse que o Largo de Lecidere está bloqueado e cercado pela polícia.

"O Largo de Lecidere está vedado e cercado pela polícia, são muitos polícias e estão altamente armados, eles estão a ameaçar todos os manifestantes, eles dizem que vão matar quem não acatar as ordens da polícia", disse.

"A nossa intenção é manifestar pacificamente mas eles estão altamente armados e nem sequer vamos conseguir chegar ao Largo de Lecidere, eles não nos vão deixar passar. Como nós dissemos, nós queremos manifestar pacificamente, não temos nenhuma intenção de pôr a vida dos nossos manifestantes em risco, os assassinos não vão pensar duas vezes para atirar tiros contra nós. A polícia ontem foi aos bairros em Díli ameaçar os jovens, entraram e sairam das casas altamente armados", acrescentou.

Com as ameaças feitas pela polícia à integridade física e " de morte" aos manifestantes, foi informado ao Timor Hau Nian Doben que L7 e os seus homens vão tentar manifestarem-se mas, a menos que a polícia lhes dê livre passagem para o Largo de Lecidere para demonstrarem pacificamente hoje, o antigo comandante das Falintil e os seus homens não irão usar a violência para lá chegarem, a demonstração será cancelada para que a polícia não tenha motivos para "prender o Pai L7 e para que nenhum dos manifestantes seja ferido ou morto".

L7 irá realizar uma conferência de imprensa às 10:30 da manhã de hoje, hora local e depois seguirá para o Largo de Lecidere.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.